NUTRIÇÃO PARA PACIENTES DE CÂNCER DE BOCA, CABEÇA E PESCOÇO

Nutrição em oncologia
Data de publicação: 27/11/2016
NUTRIÇÃO PARA PACIENTES DE CÂNCER DE BOCA, CABEÇA E PESCOÇO

Escrito por Priscila S. Cittadini Rossi CRN: 12.230 Especialização pelo HCFMUSP em pediatria com estágio em oncologia no ITACI.

Mais da metade das pessoas com câncer de cabeça e pescoço sofrem de má nutrição ou desnutrição, se você está sendo tratado de câncer oral, cabeça, ou pescoço, terá grandes chances de ter feridas na boca, a boca ficar seca, com perda de paladar e também olfato, dificuldade em engolir, além da fadiga que vem com todo o tratamento  contra o câncer  Podendo ter inclusive a redução do apetite, afetando a sua ingestão de nutrientes. 
 

Segundo alguns relatos de pacientes, uma dica importante é enriquecer sua alimentação com azeite e creme de leite, isso irá somar mais calorias a sua dieta. “Era muito doloroso para engolir alimentos sólidos"; "Eu perdi cerca de 40 quilos. Meu apetite tinha desaparecido.
 

Parece um cenário difícil e impossível de evitar, mas não é. Para ter uma boa nutrição durante o tratamento, o paciente deve adotar medidas simples no dia a dia que podem ajuda-lo a estar sempre em ordem não só com a balança, mas com o corpo todo.
 

Para começar é essencial encontrar uma maneira de alimentar o seu corpo com as quantidades e os tipos certos de nutrientes. Deve-se levar em conta a quantidade de calorias e proteínas suficientes para manter o seu peso e força, permitindo assim que o seu corpo seja capaz de curar feridas e combater infecções, bem como melhorar a qualidade geral de sua vida.
 

Para obter a melhor nutrição nesta fase a primeira coisa que você precisa fazer é mudar sua dieta. Fique longe de alimentos que são difíceis de mastigar ou engolir, que tenham a textura dura ou são ácidos, como frutas cítricas. Amolecer alimentos com molhos ou caldos pode te ajudar na mastigação. Uma dica importante é enriquecer sua alimentação com azeite e creme de leite, isso irá somar mais calorias a sua dieta.
 

Suplementos nutricionais em pó ou prontos para consumo são uma boa maneira de obter calorias e proteínas. Uma sugestão para os suplementos em pó é bater com uma fruta de sua preferência, leite de vaca ou de soja, por exemplo. Alguns pacientes dizem que por um bom período, os suplementos eram tudo o que podiam consumir.
 

Também é recomendado tomar vitaminas essenciais, especialmente as do complexo B e vitamina D, além do mineral zinco, que tem se mostrado importante na nutrição para o câncer e tem a vantagem adicional de melhorar o sentido do paladar em algumas pessoas. Essas vitaminas e minerais, além de outras fontes de nutrientes importantes como o ômega 3 também são encontrados em alguns suplementos nutricionais.


A equipe que cuida de você provavelmente tem uma nutricionista para te ajudar e além disso muitos hospitais possuem receitas e dicas que podem ajudar na preparação das refeições. Lembre-se que a nutrição adequada faz parte do seu tratamento.